• Carolina Borges

Oficinas virtuais para crianças, mulheres e avós!


Já pensou se toda criança pudesse aprender sobre seus direitos através de atividades lúdicas? E se fosse com uma psicóloga especializada em atender crianças, e através da internet, sem precisar sair de casa. Maravilhoso, né?


E sabia que você que mora em São Paulo está pagando por essa atividade maravilhosa e nem está sabendo que pode acessa-la? Aliás, por ser online, todas as pessoas com acesso a internet podem participar!


A Amanda Amorim é psicóloga, com experiência em atendimentos de crianças vítimas de violência sexual e em situações de vulnerabilidade.

Ela passou num edital da prefeita de São Paulo e agora está apresentando virtualmente a oficina "Infância e adolescência: minhas por direito!" até dezembro!


Para ver mais sobre a oficina, clique neste link e faça sua inscrição.

A oficina é voltada para crianças!

Quer aprender mais sobre o SUS e sobre planejamento familiar?

Quais são os direitos das mulheres da gestação até o parto?


O Marcelo Carvalho é estudante de Obstetrícia na USP e está fazendo uma oficina sobre o tema!

Veja mais sobre a oficina neste link

Pensou se alguém pudesse ensinar para as avós, avôs e todos com mais de 60 anos como fazer agendamento pelo sus, registrar reclamações pelo 156, e sobre o as consequências de compartilhar notícias sem verificar o conteúdo?


A oficina da Lilian é sobre isso e muito mais.

Tem mais informações neste link.

Todas essas oficinas, e muitas outras, fazem parte de uma política pública que nós do Ocupa Mãe somos apaixonadas. Ano passado já falamos sobre ela e esperamos falar delas por muitos anos seguidos! (Por favor, votem em quem apoia a participação social!)


Essas oficinas eram chamadas de Agente de Governo Aberto, porém, por conta da nova legislação eleitoral, a prefeitura está com muitas restrições na divulgação.


As oficinas estão acontecendo com poucas pessoas interessadas!

Um desperdício para todos pois a população poderia estar sendo mais bem informada!

Esse edital é muito concorrido e as oficinas selecionadas são realmente muito boas.

As oficinas são feitas com muito amor e cuidado, pois são assuntos que os oficineiros são apaixonados.


Este ano, a Carol, que é quem cuida da nossa parte técnica, passou neste edital e está mostrando como é possível aumentar a participação social através de simples mudanças na divulgação. A oficina dela é a Chega de Bagunça, e tem mais informações neste link.

Vamos voltar para falar mais dessas oficinas em outros post!


Tem oficina de programação para quem nunca programou (fica a dica para professores interessados no assunto).

Oficina sobre acessibilidade de sites, que é ótimo para quem quer que o site seja mais acessível.


Nós do Ocupa Mãe queremos deixar nosso site cada vez mais acessível, mas para isso acontecer, precisamos de mais tempo de dedicação, e infelizmente, estamos com cada vez menos disponibilidade de tempo. :-(

Estamos com uma campanha de financiamento coletivo onde a contribuição mínima é dez reais. E esses dez reais nos ajudam demais.

Compartilhem nossa campanha de financiamento!


Sugestão de texto para Whatsapp


O Ocupa Mãe fala de política e maternidade e precisa de apoio financeiro para continuar com o trabalho de construir um cidade mais acolhedora para mães, bebês, crianças e adolescentes.

Contribua a partir de R$10

Sua energia financeira apoiando uma cidade mais acolhedora

https://benfeitoria.com/ocupamae

32 visualizações