Desiluminados da Enel

Sem luz desde às 8h de 11 de agosto de 2022, os moradores do prédio da Avenida Cursino não sabem mais o que fazer para terem o fornecimento de energia elétrica reestabelecido pela ENEL.

1° Dia

8h10 - 11.08.22

imagem de um circulo azul claro

Início da interrupção do fornecimento da energia elétrica após forte barulho vindo do poste da rua

8h25 - 11.08.22

imagem de um circulo azul claro

Moradores registram reclamações pelo telefone da ENEL

imagem de um circulo azul claro

8h25 - 11.08.22

Enel informa que a previsão de retorno é às 15h do dia 11.08.22

11h50 - 11.08.22

imagem de um circulo azul claro

Moradores registram reclamações na ANEEL

11h50 - 11.08.22

imagem de um circulo azul claro

Moradores não conseguem registro na ouvidoria da ENEL pois a URA não reconhece os números de protocolo gerados pela própria ENEL

imagem de um circulo azul claro

15h30 - 11.08.22

Técnicos da ENEL vão até o local e avaliam que precisam de outros equipamentos para fazerem a manutenção para o reestabelecimento do fornecimento de enegia elétrica.

15h50 - 11.08.22

imagem de um circulo azul claro

Moradores ligam na ENEL e são informados que não há registros de manutenção. É feito um novo agendamento para às 17h30

imagem de um circulo azul claro

17h30 - 11.08.22

Técnicos da ENEL não aparecem no horário informado.

2° Dia

8h - 12.08.22

imagem de um circulo azul claro

Moradores seguem sem energia elétrica.

A água acaba nos apartamentos por conta do não funcionamento da bomba d'água.

8h30 - 12.08.22

imagem de um circulo azul claro

Moradora com estoque de medicamento para diabetes precisa ir até casa de terceiros para conseguir manter os medicamentos refrigerados

10h - 12.08.22

imagem de um circulo azul claro

Band news divulga nosso caso

imagem de um circulo azul claro

12h30 - 12.08.22

Técnicos da ENEL fazem manutenção.

Fornecimento de energia elétrica é parcialmente reestabelecido.

22h30 - 12.08.22

imagem de um circulo azul claro

Moradores continuam com o fornecimento parcial: a bomba d'água não funciona, os elevadores não funcionam, e alguns poucos apartamentos têm energia elétrica (todos de forma parcial)

3° Dia

10h30 - 13.08.22

imagem de um circulo azul claro

Moradores ligam diversas vezes para a ENEL mas os horários informados para a manutenção não são cumpridos.

14h30 - 13.08.22

imagem de um circulo azul claro

Diversos moradores saem de suas residências e vão para casa de terceiros para conseguirem tomar banho, lavar roupa e comer

17h30 - 13.08.22

imagem de um circulo azul claro

Condomínio contrata um gerador para reestabelecer o funcionamento da bomba d'água que chegará na manhã do domingo, dia 14 de agosto.

19h30 - 13.08.22

imagem de um circulo azul claro

Moradores sobem e descem pelas escadas levandos pesados baldes de água para conseguirem lavar a mão e dar descarga em suas residências.

4° Dia

imagem de um circulo azul claro

1h30 - 14.08.22

Técnicos da ENEL fazem manutenção e o fornecimento de energia elétrica é reestabelecido.

6h30 - 14.08.22

imagem de um circulo azul claro

As bombas d'água voltam a funcionar mas devido ao racionamento de água na região, a água só chega aos apartamentos após às 6h30 do domingo

10h30 - 14.08.22

imagem de um circulo azul claro

Finalmente, após 4 dias, os moradores passam a ter em suas residências energia elétrica, água e internet.

A intenção desta página é mostrar o péssimo atendimento da ENEL aos moradores de um bairro da periferia de São Paulo.

É inaceitável que moradores com deficiência, idosos, crianças e pessoas que dependem de medicamentos refrigerados tenham suas vidas impactadas por tantos dias.

Foram registrados inúmeros protocolos tanto na ENEL quanto na ANEEL e cabe ao poder público acompanhar esses protocolos e tomarem providências para que a ENEL trabalhe com mais seriedade.

A ouvidoria da ENEL não funciona e isso também precisa ser fiscalizado pelas autoridades responsáveis.